Turma disponível:
Formas de pagamento: Boleto, Recorrência de Cartão, Cartão de Crédito
SENAC DOURADOS

07/06/2022 à 05/03/2024 - Segunda-feira a Sexta-feira (18:45 às 22:00)

ver o endereço

Sobre o curso

Objetivo geral: Formar profissionais com competências para atuar e intervir em seu campo de trabalho, com foco em resultados. Objetivos específicos:
• Promover o desenvolvimento do aluno por meio de ações que articulem e mobilizem conhecimentos, habilidades, valores e atitudes de forma potencialmente criativa e que estimule o aprimoramento contínuo;
• Estimular, por meio de situações de aprendizagens, atitudes empreendedoras, sustentáveis e colaborativas nos alunos;
• Articular as competências do perfil profissional com projetos integradores e outras atividades laborais que estimulem a visão crítica e a tomada de decisão para resolução de problemas;
• Promover uma avaliação processual e formativa com base em indicadores das competências, que possibilitem a todos os envolvidos no processo educativo a verificação da aprendizagem;
• Incentivar a pesquisa como princípio pedagógico e para consolidação do domínio técnico-científico, utilizando recursos didáticos e bibliográficos.

O que vou aprender?

Elaborar, implantar e implementar a Política de Saúde e Segurança do Trabalho 84 horas de duração
  • Atribuições do Técnico em Segurança do Trabalho.
  • Atuação do SESMT: atribuições na elaboração, implantação e implementação da política e da gestão de saúde e segurança do trabalho.
  • Classificação de riscos ambientais de acordo com a portaria vigente.
  • Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA): conceito e dimensionamento de membros e atribuições.
  • Conceitos de acidentes de trabalho: CAT, NTEP e FAP; tipos de acidente de trabalho.
  • Conceitos e princípios de administração: modelos de gestão e cultura organizacional nas relações de trabalho.
  • Definição de Responsabilidade Civil e Criminal aplicada à Saúde e Segurança do Trabalho.
  • Definição e aplicabilidade de Inspeção Prévia, Embargo e Interdição.
  • Definição e características da Legislação Previdenciária relacionada à saúde e à segurança no trabalho: PPP e aposentadoria especial, E-social.
  • Diretrizes do Ministério do Trabalho, Normas Regulamentadoras (NRs) sobre política e gestão de saúde e segurança do trabalho.
  • Gestão de saúde e segurança do trabalho nas Organizações: objetivos, implantação, melhoria contínua, PDCA (plan, do, check, act) e monitoramento.
  • História e Evolução do trabalho: a segurança do trabalho na revolução agrícola, na revolução industrial e na revolução da informação.
  • Indicadores de modelo de gestão: tipos e características.
  • Introdução à Portaria n° 3.214/78 e à Lei n° 6.514/1977, definição, estrutura e hierarquia da legislação vigente: leis, decretos, resoluções, portarias, instruções normativas, súmulas do Técnico em Segurança do Trabalho e outros.
  • Legislação e normativas do trabalho: Normas regulamentadoras, Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), Normas Brasileiras (NBRs), anuários de estatísticas de acidentes do trabalho, diretrizes sobre sistemas de gestão de segurança e saúde no trabalho – Organização Internacional do Trabalho (OIT).
  • Normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) sobre gestão de saúde e segurança do trabalho.
  • Planejamento de vida e carreira: desenvolvimento de metas pessoais, profissionais e econômicas e uma proposta de guia para alcançá-las; mundo do trabalho; empreendedorismo e outras formas de inserção no mercado de trabalho; construção de itinerário de profissionalização.
  • Plano Nacional de Saúde e Segurança do Trabalho.
  • Política de saúde e segurança do trabalho: conceitos, estrutura, importância.
  • Princípios e diretrizes da OIT e Organização Mundial da Saúde (OMS): melhoria das condições de segurança do ambiente de trabalho e saúde do trabalhador.
  • Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT): dimensionamento de profissionais.
Realizar avaliação e medidas de controle de riscos físicos, químicos e biológicos 108 horas de duração
  • Agentes biológicos: fungos, bactérias, vírus e protozoários; Biossegurança e Normas regulamentadoras.
  • Agentes físicos “ruído, vibração, calor, frio, umidade, radiação, pressões anormais”.
  • Agentes químicos: aerodispersóides, gases, névoas vapores, neblinas, poeiras e fumos.
  • Análise de riscos ocupacionais: checklist e inspeção.
  • Avaliações qualitativas e quantitativas: tipos e metodologias específicas das NHOs.
  • Conceitos de limites de exposição ocupacional: Limite de Tolerância (LT) – NR pertinente; Thereshold Limit Values (TLV) – American Conference of Governmental Industrial Hygienists (ACGIH); Permissible Exposion Limits (PEL) – Ocupational Safety and Health Administration (OSHA); Recommended Exposure Limit (REL); National Institute for Occupational Safety and Health (NIOSH); Valor Teto, Valor Máximo, Nível de ação, ppm e mg/m3.
  • Descrição de atividades laborais e elaboração de Ordens de Serviço.
  • Doenças ocupacionais: legislação vigente, conceito, tipos, vias de penetração e prevenção.
  • Elaboração de croquis e desenho técnico: representações gráficas, escalas de redução e de ampliação, leitura e interpretação de plantas, representação de postos de trabalho, normas técnicas e literatura técnica.
  • Equipamento de Proteção Coletiva (EPC) e Equipamento de Proteção Individual (EPI).
  • Fundamentos de higiene ocupacional: princípios, conceitos, definições e noções de fisiologia humana.
  • Legislação trabalhista e previdenciária: aspectos referentes à avaliação de riscos.
  • Normas de Higiene Ocupacional (NHO) Fundacentro, normas nacionais e internacionais: (ACGIH -NIOSH) e procedimentos.
  • Normas regulamentadoras relativas aos riscos físicos, químicos e biológicos.
  • Processos produtivos e suas características.
  • Produtos químicos: Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos (FISPQ) e ficha de emergência.
  • Riscos físicos, químicos e biológicos: definições, tipos, categorias e grupos.
  • Técnicas de controle de agentes físicos, químicos e biológicos; medidas administrativas.
Realizar avaliação e medidas de controle de riscos ergonômicos e de acidentes. 108 horas de duração
  • Análise de processos tecnológicos e características de locais e atividades profissionais.
  • Avaliação do ambiente/atividade de trabalho: organização do trabalho, esforço físico (levantamento, transporte e movimentação manual de materiais), trabalho noturno; ritmo de trabalho.
  • Avaliações de riscos de acidentes e medidas de controle no ambiente de trabalho.
  • Biomecânica ocupacional: reação do corpo humano em relação aos aspectos ergonômicos.
  • Conceito de antropometria estática e dinâmica.
  • Definição, objetivos, métodos, técnicas e recomendações da Análise Ergonômica do Trabalho – AET; Psicologia do trabalho: da ergonomia cognitiva; Ergonomia física e organizacional.
  • Elaboração de croquis: Representação dos ambientes e organização do trabalho; construção de arranjos físicos adaptados ao trabalhador, normas técnicas e literatura técnica.
  • Ergonomia: conceito, segmentos, agentes ergonômicos e consequências à saúde do trabalhador - Lesão por Esforço Repetitivo (LER) e Distúrbio Osteomuscular Relacionado ao Trabalho (DORT).
  • Iluminamento e seus efeitos sobre o organismo humano.
  • Incidentes e acidentes de trabalho: conceitos e diretrizes.
  • Legislação trabalhista e previdenciária: aspectos referentes à avaliação de riscos.
  • Medidas de controle para riscos ergonômicos e de acidentes.
  • Normas Regulamentadoras relacionadas a riscos ergonômicos, de acidentes e Normas ABNT.
  • Principais riscos de acidentes no ambiente de trabalho: eletricidade, trabalho em altura, construção civil, espaço confinado, máquinas e equipamentos e demais riscos em segmentos específicos.
  • Procedimentos para ordens de serviço: tipo Procedimento Operacional Padrão (POP) e elaboração.
  • Projetos de adequações: definição e responsabilidade.
  • Tipos de inspeções de segurança para a prevenção de acidentes e doenças ocupacionais: relatórios, planilhas, formulários e checklist.
  • Tipos de manutenção para a prevenção de acidentes: preventiva, corretiva, preditiva, detectiva.
Monitorar riscos ocupacionais 96 horas de duração
  • Avaliação ambiental: instrumentos, etapas, procedimentos, metodologia qualitativa e quantitativa, tipos de planilhas, relatórios e checklist da norma.
  • Entrevistas para monitoramento das condições de trabalho: coleta de dados e organização das informações.
  • Equipamentos de medição: tipos, características, funcionamento (softwares), dados e resultados apresentados.
  • Normas regulamentadoras: monitoramento dos riscos ambientais, ocupacionais e as Normas de Higiene Ocupacional da Fundacentro.
  • Procedimentos para aferição e calibração de equipamentos e arquivamento de certificados.
  • Tipos e técnicas de amostragem: grupo homogêneo de exposição, amostragem ativa e passiva, técnicas da HSE, técnicas da NIOSH, amostragens rápidas, curto prazo, longo prazo – Time Weighted Average (TWA), contínua e BULK.
Executar ações de investigação, registro e controle de incidentes, acidentes de trabalho e doenças ocupacionais 108 horas de duração
  • Acidente e incidentes: conceitos, tipos e teorias (Heinrich e Bird), metodologias de investigação e acompanhamento de ocorrências e elaboração de relatórios e formulários.
  • Análise para reabilitação de funcionários após acidentes de trabalho.
  • Cálculos: de perdas e danos, estatísticas, taxa de frequência e gravidade.
  • Conceitos de adicional, insalubridade e periculosidade.
  • Fiscalizações de saúde e segurança do trabalho e penalidades.
  • Legislação previdenciária sobre acidentes do trabalho: aspectos referentes aos direitos dos trabalhadores.
  • Metodologia de avaliação e controle de perdas e danos.
  • Normas regulamentadoras: investigação, registro e controle de incidentes, acidentes de trabalho e doenças ocupacionais.
  • Procedimentos legais nos acidentes de trabalho: perícias e fiscalizações (tipos, acompanhamento e assessorias), definições e aplicação – Nexo Técnico Epidemiológico (NTEP), Fator Acidentário de Prevenção (FAP), Seguro de Acidente do Trabalho (SAT), formulários dos quadros III, IV, V e VI da NR 4, e-Social.
  • Técnicas de investigação: tipos e características.
  • Tipos de ferramentas: câmaras, trenas, entrevistas, checklist.
  • Tipos e características de metodologias: árvores de causas, Heinrich, Bird, Couto, Costella e Saurin.
Auxiliar e executar ações de elaboração dos programas de saúde e segurança do trabalho 108 horas de duração
  • Documentos: tipos, características, preenchimento e arquivamento em meio físico e eletrônico.
  • Estratégias de resolução de problemas: identificação, diagnóstico e negociação.
  • Estrutura de programas e planos de ação de gerenciamento de riscos e saúde ocupacional: Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA), Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO).
  • Normas regulamentadoras do trabalho relacionadas à programas de saúde e segurança do trabalho.
  • Técnica do PDCA na formatação e planejamento do Plano de ação do PPRA, PCMSO e demais programas definidos em legislação.
Implantar e implementar os programas de saúde e segurança do trabalho 96 horas de duração
  • Análise Ergonômica do Trabalho, PPR, PCA, PGR e demais programas regulamentados, legislações específicas e acordos coletivos.
  • Definição e aplicabilidade de Programas e Laudos de Saúde e Segurança Ocupacional: PPRA, PCMSO, PCMAT, LTCAT.
  • Indicadores de saúde e segurança do trabalho de gestão dos programas.
  • Mapa de risco: estrutura e interpretação.
  • Modelos normativos de gestão de saúde e segurança do trabalho: sistemas de gestão, guia da convenção OIT.
  • Normas regulamentadoras do trabalho relativas aos programas de saúde e segurança do trabalho.
  • Planos de ação: monitoramento e avaliação.
  • Procedimentos de renovação e reavaliação de programas.
  • Técnicas de negociação.
  • Tipos de documentação e registros da gestão dos programas de saúde e segurança do trabalho.
Controlar situações de emergência 36 horas de duração
  • Atendimento em situações de parada cardiorrespiratória (PCR), hemorragias, fraturas, desmaio/vertigem, convulsão, estado de choque, crises histéricas, queimaduras, corpos estranhos, envenenamento/intoxicações, afogamento, animais peçonhentos e cães/gatos.
  • Estrutura da rede externa de atendimento de saúde.
  • Fundamentos e procedimentos de Atendimento Pré-hospitalar (APH): objetivos, avaliação primária, segurança do local, recomendações.
  • Limite na atuação do Técnico em Segurança do Trabalho em relação aos primeiros socorros.
  • Meios de isolamento: procedimentos de sinalização em casos de acidentes.
  • Meios de transporte da vítima.
  • Plano de emergência: procedimentos, padrões, provas, controle e orientações.
  • Precauções e medidas de controle durante os procedimentos de primeiros socorros.
  • Procedimentos de manobras de ressuscitação, imobilização e hemostasia.
  • Protocolos de saúde (American Heart Association) e literatura técnica nos procedimentos de primeiros socorros.
  • Técnicas de assepsia para atendimento.
  • Tratamento humanizado e prioridades na realização de atendimentos de primeiros socorros.
Elaborar, implantar e implementar planos de emergência/urgência 96 horas de duração
  • Caracterização de eventos com alto potencial de danos e acidentes ampliados.
  • Classes de incêndio (A, B, C, e D e K) e métodos de extinção (isolamento, abafamento, resfriamento e extinção química).
  • Conceitos e tipos de urgência e emergência.
  • Equipamentos de emergência e de combate a incêndio: alarmes, detecção e comunicação, extintores, splinkers, hidrantes, mangueiras, acessórios, viaturas, entre outros.
  • Explosividade e inflamabilidade: conceitos, ponto de fulgor, ponto de combustão e temperatura de ignição.
  • Normas regulamentadoras do trabalho relativas a planos de emergência/urgência.
  • Planejamento: cronograma de inspeções.
  • Plano de auxílio mútuo: conceito, função, estrutura e elaboração.
  • Plano de emergência: conceito, função, estrutura e elaboração.
  • Plano de Prevenção e Proteção Contra Incêndio (PPCI): conceito, função, estrutura.
  • Procedimentos de emergência: abandono de área (conceito e simulações), brigada de emergência e Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) – conceitos e objetivos, tipos de procedimentos de emergência, EPI e EPC para atendimento de emergência, tipos de sinalização de emergência.
  • Procedimentos para emergência ambiental.
  • Teoria do fogo (conceitos, elementos que compõem o fogo, combustível, comburente), propagação do fogo (condução, convecção e irradiação) e Tetraedro do Fogo.
Planejar ações educativas em saúde e segurança do trabalho 84 horas de duração
  • Custos de treinamentos: definição e segregações (fixos, variáveis, diretos e indiretos).
  • Diretrizes da OIT para educação e formação em saúde e segurança do trabalho.
  • Normas regulamentadoras do trabalho relativas às ações educativas em saúde e segurança do trabalho.
  • Percepção e representação de riscos pelos trabalhadores.
  • Planejamento de treinamentos: objetivos, etapas, cronogramas, procedimentos e recursos didáticos (tipos e características).
  • Princípios da andragogia: características da educação de adultos.
  • Programas de treinamentos definidos na política de saúde e segurança do trabalho e indicadores.
  • Semana Interna de Prevenção de Acidentes (SIPAT): objetivos, obrigações.
  • Tipos e características de formulários: planejamento, avaliação de treinamento, lista de presença e certificados.
  • Treinamentos: verificação das necessidades, campanhas, tipos de treinamentos, importância, conceitos e estruturas.
Executar ações educativas em saúde e segurança do trabalho 108 horas de duração
  • Elementos de comunicação: contexto, emissor, receptor, canal, mensagem, ruídos e feedback.
  • Etapas da mediação no processo de construção do conhecimento.
  • Etapas da mediação no processo de construção do conhecimento: procedimentos para coleta de dados e análise.
  • Normas regulamentadoras do trabalho relativas às ações educativas em saúde e segurança do trabalho.
  • Plano de treinamentos: tipos de avaliação de treinamento (avaliação de reação, aprendizagem e do resultado), formulários (checklist de acompanhamento de evento e avaliação do treinamento), relatórios técnicos (componentes básicos e preenchimento), indicadores de avaliação (objetivo e elaboração).
  • Plano do treinamento: etapas e ações.
  • Processo de avaliação e feedback do trabalho educativo.
Auxiliar a gestão integrada da organização 108 horas de duração
  • Conceito de sustentabilidade organizacional e índice de sustentabilidade empresarial.
  • Gestão integrada dos sistemas: vantagens da implantação, requisitos comuns e benefícios das normas, indicadores e critérios de avaliação para a melhoria contínua.
  • Impactos das dimensões ambiental, social e econômica/financeira nas mudanças das organizações do trabalho e na gestão do negócio.
  • Normas de gestão ambiental: tipos de normas, conceitos e benefícios. Interpretação, implantação e implementação dos requisitos.
  • Normas de gestão de qualidade: evolução, tipos, conceitos, requisitos, benefícios, interpretação, implantação e implementação dos requisitos.
  • Normas específicas relativas à gestão integrada.
  • Procedimentos de execução e acompanhamento em auditorias.
  • Relatórios, documentos e formulários: tipos de preenchimento, formatação, arquivamento e divulgação.
  • Sistema de gestão da qualidade, meio ambiente, responsabilidade social, saúde e segurança: normalizações, conceitos, princípios e ferramentas.
  • Sistemas normativos de gestão da responsabilidade social: normas, conceitos e benefícios. Interpretação e implementação dos requisitos.
Projeto Integrador Técnico em Segurança do Trabalho. 60 horas de duração

Posso fazer este curso?

  • Acesso ao Curso

- Ensino Médio Completo
- Idade maior ou igual a 16 anos.

  • Documento Necessário para Matrícula

- Comprovante de residência.
- CPF
- RG.

Terei diploma ou certificado?

Sim, este curso possui Certificado de conclusão.

Técnico em Segurança do Trabalho

Cursos Técnicos . Segurança
Dourados
Saiba mais